Pular para o conteúdo principal

Postagens

O Clone - trilha sonora

Reprisada pelo Viva desde 9 de dezembro de 2019, O Clone, de Glória Perez, foi um grande sucesso de audiência e repercussão, e agora no canal pago está também fazendo sucesso. A novela será encerrada em agosto, quando Mulheres Apaixonadas, de Manoel Carlos, assumirá o horário das 23 horas. A trama passada parte no Marrocos, parte no Brasil, teve duas trilhas principais lançadas, além de 4 complementares. São elas: nacional, internacional, O Melhor do Bar da Dona Jura, O Melhor da Dança do Ventre de O Clone, Trilhas e Temas de O Clone e Ísis Lounge.
Nacional Lançada juntamente com As Filhas da Mãe internacional, a trama das 19h em novembro de 2001, foi também a única das 6 trilhas da novela lançada no ano de sua estreia. É também o primeiro CD a vir com faixa multimídia, o que se repetiria no ano seguinte em mais 3 trilhas: Esperança nacional, O Beijo do Vampiro nacional e O Beijo do Vampiro internacional; em 2003 foi a vez de Mulheres Apaixonadas vol. 2 trazer uma faixa multimídia, e M…
Postagens recentes

Salve-se Quem Puder volume 1

Antes de iniciar esta postagem, quero dizer que a avaliação das trilhas sonoras das novelas prometida aqui na última postagem não acontecerá mais, pois mudei de ideia e achei que ia ser muito trabalhoso para mim. Vou continuar a fazer aquilo que já vinha fazendo, que é avaliar as trilhas das novelas.

Salve-se Quem Puder estreou em 27 de janeiro, substituindo Bom Sucesso às 19h e ficando no ar até 20/3, interrompida por causa da pandemia de covid-19, que todos os dias mata milhares de pessoas, assim como outras doenças. Mas não foi para isso que eu vim, e sim para falar do disco, que está recheado de ótimas canções.  Lançado durante a quarentena, Salve-se Quem Puder vol. 1 conta com Ludmilla regravando o samba "Beija-me", de Herivelto Martins e Mário Rossi, especialmente para a abertura da novela, e também lançada como single. Lizzo vem com "Good as Hell", aqui sem Ariana Grande. IZA (assim mesmo, todo em maiúsculas) vem com "Meu Talismã", fazendo citações a…

Eta Mundo Bom! - trilha sonora

Olá, leitores do Nossas Trilhas Brasileiras! Hoje vos trago a trilha sonora de uma novela que vem agradando muito ao público no Vale a Pena Ver de Novo; estou falando, é claro, de Eta Mundo Bom!, novela de Walcyr Carrasco que vem repetindo o mesmo sucesso, tanto da exibição original em 2016 quanto da novela anterior, Avenida Brasil, cuja trilha sonora já falei aqui no NTB. Foi a última novela de Carrasco às 18h, já que ele escreveria exclusivamente para as 21 horas (Amor à Vida entre 2013 e 2014, O Outro Lado do Paraíso entre 2017 e 2018 e A Dona do Pedaço em 2019). Foi a primeira telenovela das 18h a adotar as trilhas mistas, medida tomada pela Som Livre desde 2015 com I Love Paraisópolis, Babilônia e Malhação: Seu Lugar no Mundo. Rendeu 2 CDs, além da trilha instrumental, dividida em três álbuns.
A escolha de capa, mais óbvia impossível: o protagonista Candinho (Sérgio Guizé), seu burro Policarpo e o logo exatamente como aparece na abertura. Foi um disco prematuro: enquanto a novela …

Chocolate com Pimenta: trilha sonora

Um grande sucesso de audiência entre os anos de 2003 e 2004 e exibida às 18h, Chocolate com Pimenta, de Walcyr Carrasco, está de volta ao Viva, substituindo Cabocla. A agradável reconstituição de época (década de 1920), protagonizada por Mariana Ximenes e Murilo Benício trouxe duas trilhas sonoras, uma nacional com temas mais contemporâneos e outra internacional, com mais standards e clássicos do cancioneiro norte-americano.
Lançado juntamente com o CD duplo da novela das 8, Celebridade, em outubro de 2003, o disco nacional traz 14 faixas e um encarte recheado de ilustrações de chocolates com fotos dos atores, a história do chocolate e uma entrevista com Walcyr Carrasco. Luiza Possi abre com uma versão em português de "(Somewhere) Over the Rainbow", aqui intitulada "Além do Arco-Íris", uma das mais executadas na trama, atrás apenas do tema de abertura. Zezé di Camargo & Luciano fazem uma releitura bacana de "Tristeza do Jeca", música que já esteve no á…

Avenida Brasil

Um dos maiores sucessos de João Emanuel Carneiro, Avenida Brasil foi ao ar em 2012 às 21 horas substituindo Fina Estampa. Revolucionou o horário nobre com uma trama de forte apelo popular, o que se refletiu em sua trilha sonora, dividida em quatro álbuns: nacional volumes 1 e 2, internacional e instrumental.
 A trilha sonora nacional foi a primeira lançada pela AMZ, fusão da antiga Videolar com a Microservice, até então responsável pelas trilhas de novelas e demais produtos da Globo, o que perdurou até 2015, quando a Rimo (antiga Sonopress) reassumiu o lançamento dos CDs da Som Livre. O repertório de 16 faixas traz várias boas canções, mas também porcaria, coisa que já estava começando a acontecer com as trilhas das novelas, vindo com funk, sertanejo universitário e outras mirando o populacho, mas enfim.
 Rita Lee lançou ainda em 2012 seu disco Reza, e dele a música homônima foi parar no disco, abrindo-o. Seu Jorge, de seu disco de 2011 Músicas Para Churrasco, chega com "Amiga da …

Amor de Mãe volumes 1 e 2, instrumental e Hits Ryan

Escrita por Manuela Dias, Amor de Mãe substituiu A Dona do Pedaço desde 25 de novembro de 2019 no horário das 21h e é sua primeira novela na emissora; anteriormente, a autora levou duas minisséries ao ar.  Sua trilha sonora é composta de mais de cem músicas, contando também os temas originais, sendo que 30 delas foram compiladas em CDs físicos. Antes de falar dessas trilhas e dessas músicas, contudo, quero ressaltar um erro que algumas pessoas já têm conhecimento referente ao volume 1, que se aplica à gravação da faixa 11 presente; a música "Onde Estará o Meu Amor", que no CD aparece na versão da Maria Bethânia, na verdade foi selecionada a original de Chico César (Beleza Mano, 1997); não que a versão original seja ruim (embora eu pessoalmente a prefira mais na voz da Bethânia), mas que representa desrespeito com o consumidor. Lançado com tiragem de 2000 cópias, não se sabe ainda se a versão de Bethânia substituirá a de Chico César a partir da tiragem AB — antes que eu me es…

Malhação: Viva a Diferença

A 25ª temporada de Malhação estreou em 2017 e ficou no ar até 2018. Malhação: Viva a Diferença foi escrita por Cao Hamburger e foi a única ambientada em São Paulo, em 25 anos (22 à época) de exibição. Contou com duas trilhas sonoras; a primeira com a trilha sonora original da temporada, e a segunda com a trilha instrumental de Lucas Marcier e João Paulo Mendonça. Foi a segunda Malhação a ganhar uma trilha instrumental; a primeira foi a 13ª temporada, de 2006, que teve o CD Malhação Riffs lançado.
Trilha sonora original